16 de setembro de 2011

Arte e Cultura em Aracaju - de 16 a 22 de setembro de 2011


poesia




La capricciosa




É claro que estou exposto
eu como todos os outros
animais, às intempéries 
que cedo ou tarde nos ferem;
mas aqui a noite, seda,
suavemente me enleia:
espelhos olhares vinhos
uvas cachos rosas risos
e ali, do lado de lá
das lâminas de cristal
tão tranquila e cintilante
quanto o céu, sonha a cidade.


Desperta-me um celular:
a morte também tem arte.

Antonio Cícero



==


Até dia 17 de setembro acontece o 



Acesse e confira toda a programação do CURTA SE 11



==



Clique AQUI e conheça os selecionados para o 





==

Amanhã, dia 17 a Secult promoverá oficinas para potencializar Lei Rouanet em SE





Leia matéria completa no SITE da Secult.

2ª oficina: “Como operar o Salic Web”

Data: 17/09/2011



Oficineiro:  Rômulo Menhô - coordenador de Desenvolvimento e Orientação

Carga horária: 4 horas (das 9 às 13h)
Local: auditório do SEBRAE

Público: gestores, produtores, estudantes, acadêmicos e agentes culturais residentes em Sergipe



*O conteúdo das oficinas ficará a cargo da SEFIC / MINC.





==



Continuam em exibição até 22/09 no

CINE CULT


Cinemark Jardins (Informações 3217-5610)
do diretor Lars Von Trier

Em MELANCOLIA, Kirsten Dunst e Charlotte Gainsbourg interpretam irmãs cujas vidas se distanciam enquanto o universo se desmancha espetacularmente naquilo que Von Trier descreve como um belo filme sobre o fim do mundo.

Elenco: Kirsten Dunst, Charlotte Gainsbourg, Kiefer Sutherland, Charlotte Rampling, John HurtDireção: Lars von TrierGênero: DramaDuração: 137 min.
Distribuidora: California Filmes, Classificação: 14 Anos

e

no Cinemark Riomar


Leia crítica no site OMELETE




sessão às 14h00


Ingressos a R$ 10 ou R$ 5

Em cartaz até 22/09

HORÁRIOS dos filmes da semana no Cinemark


==


programação completa...




Sexta, 16




no CAPITÃO COOK


a banda NANTES






toca


BEATLES


23h30


R$ 10,00


==


TEMPORADA de TEATRO
na
Casa Rua da Cultura

São quatro espetáculos em uma semana. Isso só a Casa Rua da cultura traz para você em mais uma edição do Projeto Temporada. Esse trabalho busca consolidar o teatro enquanto opção e expressão cultural através de apresentações de espetáculos por companhias de teatro sergipanas. As apresentações ocorrerão durante todos os finais de semana, de sexta a domingo e dessa vez traz um espetáculo para o público infantil. Nesse semestre o Projeto Temporada tem início no dia quinze de julho e terá a duração de três meses.


As companhias teatrais sergipanas ficarão em cartaz com quatro espetáculos durante os meses de Julho, Agosto e Setembro com peças que trazem a temática da fantasia infantil até a irreverência das relações amorosas, passando por questões existenciais.

A Cia de Teatro Stultífera Naves, O Grupo Caixa Cênica e Cia Uaaau darão o tom nesse projeto que visa consolidar o teatro como algo inerente ao cotidiano cultural da cidade.

O Projeto Temporada faz parte do plano de expansão do Teatro em Sergipe. Esse é o principal objetivo e desafio. Acreditamos que no estado já existe um público suficiente para consumir esse tipo de arte. Em 2010 e no primeiro semestre de 2011 já desenvolvemos o Projeto Temporada e tivemos um resultado muito positivo. A nossa meta agora é consolidar a cultura das exibições teatrais de forma perene. Entendemos que isso é simbólico para a ampliação da cena cultural sergipana.



Programação
Sexta


-Cabaret dos Insensatos: Cia. Stultifera Navis


Adaptação dos textos e poemas de Bertold Brecht e Jean Genet. O texto aborda a sexualidade de uma forma natural e desmistifica o conceito de ‘cabaret’. 


Direção de Lindemberg Monteiro.


Horário: todas as sextas e sábados, às 21h
Local: Casa Rua da Cultura, Praça Camerino, 210, Bairro Centro
Ingresso: R$ 14,00 e R$ 7,00 a meia
Mais informações: 3042-3878

As demais peças em cartaz estão nas respectivas datas.


==




Sexta, 16


Orquestra Sinfônica de Sergipe
apresenta 
“Sons da Catedral III”

Catedral Metropolitana de Aracaju
Dia 16 de setembro de 2011, 19h00
Entrada Franca

Leonardo David, regente convidado
Gabriela Queiroz, violino


Programa:
Giuseppe VERDI (1813-1901)
Abertura da ópera “I Vespri Siciliani”
Max BRUCH (1838-1920)
Concerto para violino nº1, op.26, em sol menor
Piotr Ilytch TCHAIKOVSKY (1840-1893)
Sinfonia nº5, op.64, em mi menor

Seja um Amigo da Orquestra! Saiba como:amigosdaorsse@gmail.com
Contatos úteis:
Orquestra Sinfônica de Sergipe
79 3179 1480



==





==



Festival Mangaba Instrumental




O Festival Mangaba Instrumental é um projeto cultural idealizado pela Eccos Eventos e Meugênio Produções que pretende, a longo prazo, fomentar e difundir a música instrumental feita em Sergipe, através da promoção de shows com artistas locais em ascensão e do intercâmbio com grupos mais experientes do cenário instrumental brasileiro, bem como a formação de público para vertentes musicais que incluem, em seu caldeirão de influências, misturas de jazz, rock, chôro, soul music, erudito, ritmos nordestinos e experimentações audio-visuais.   

A cena instrumental local, ainda em desenvolvimento, já exibe sinais de força, estética própria, diversidade e compromisso com uma música baseada na improvisação e na livre expressão de instrumentistas das mais variadas formações, resultando em propostas diversificadas e resultados sonoros por vezes surpreendentes. O Mangaba Instrumental se propõe a ser uma vitrine para este segmento específico, bem como firmar-se no calendário nacional de festivais de música instrumental, atraindo renomados músicos brasileiros e incentivando a produção de novos trabalhos em Sergipe.

A primeira edição do evento acontecerá de 16 a 18 de Setembro, com dois dias no Oceanário de Aracaju, na Orla de Atalaia, e o domingo no tradicional Chorinho do Inácio, no Bairro América. O preço popular do ingresso (R$10,00 nos shows do Oceanário) visa atrair um público amplo e variado, incentivando a formação de platéia para a música instrumental produzida em Sergipe. Na sexta, a partir das 22h, apresentam-se os grupos Casa Forte, Coutto & Orchestra de Cabeça, Ferraro Trio e Vendo 147 (BA); No sábado, sobem ao palco do Oceanário, a partir das 21h, Alberto Silveira, Café Pequeno e Sinequanon (SP). No domingo, incorporado ao festival, o tradicional Chorinho do Inácio, situado no bairro Novo Paraíso (América), com as apresentações instrumentais acontecendo a partir das 18h. O preço cobrado no Chorinho será o de sempre, ou seja, couver de R$4,00 por pessoa.

PROGRAMAÇÃO:

Sexta, 16 de Setembro – Oceanário de Aracaju
22h – Casa Forte
22:40h – Coutto & Orchestra de Cabeça
23:30h – Ferraro Trio
00:30h – Vendo 147 (BA) – Lançamento do CD “Godofredo”

Sábado, 17 de Setembro – Oceanário de Aracaju
21h – Alberto Silveira
21:40h – Café Pequeno
22:30h – Sinequanon (SP)

Domingo, 18 de Setembro – Chorinho do Inácio
18h – Chorinho do Inácio, no Bairro América

- SINEQUANON (SP): Com quarto cds lançados, o grupo de jazz contemporâneo brasileiro tem em sua formação Lupa Santiago (guitarra), Vítor Alcântara (saxofones), Guto Brambilla (contrabaixo) e Carlos Ezequiel (bateria). O Sinequanon explora improvisação coletiva e composição moderna com ênfase nas nuances típicas de uma formação acústica. Suas influências se estendem desde a música erudita contemporânea às vanguardas do jazz e da música instrumental brasileira. A história do grupo se inicia em 1997 em Boston, EUA, quando Lupa e Carlos estudavam na Berklee School Of Music. A dupla se apresentou intensamente pela costa leste americana em formações que iam de trios a septetos, e em 2000 gravaram seu primeiro cd, “Images”, indicado ao Grammy Latino em 2002 como Melhor Álbum de Jazz. Com o retorno ao Brasil, o quarteto foi formado com Vítor Alcântara e Guto Brambilla, passando a se apresentar com o nome de Sinequanon. Desde então têm se apresentado continuamente em todo o país, incluindo cidades como São Paulo, Brasília, Florianópolis, Joinville, Salvador e Maceió.

- VENDO 147 (BA): Nascida em Salvador, tem como principal diferencial o uso do “clone drum” (bateria siamêsa, onde um mesmo bumbo é tocado por duas pessoas, sincronizadas). A banda é formada por Glauco Neves e Dimmy “O Demolidor” Drummer, os “bateristas-clones”, Pedro Itan e Duardo Costa, nas guitarras, e Caio Parish, no baixo. O grupo iniciou suas atividades em 2009 e, em pouco tempo, conseguiu difundir seu som em quase todos os cantos do país, tendo participado dos principais festivais de música, como: Do Sol (RN), Aumenta que é Rock (PB), Campeonato Mineiro de Surfe (BH), Palco do Rock no carnaval (BA), Abril Pro Rock (PE), Maionese (AL), Virada Cultural (SP), Bananada (GO), Demo Sul (PR), Festival Instrumental BNB (PB e CE), Big Bands e Grito do Rock (BA), entre outros. A banda acaba de lançar seu primeiro CD, “Godofredo”, e realizou a “Turnê 147” com 20 shows em 25 dias, pelas regiões Sul e Sudeste.

- CAFÉ PEQUENO: O terceto sergipano de música instrumental surgiu em 2005 e é composto pelos músicos Pedrinho Mendonça (percussão), Júlio Rêgo (gaita) e Guga Montalvão (violão). Em 2009 lançou o elogiado “Café Pequeno Na Cozinha de Badyally”, o primeiro cd do grupo, com 6 canções autorais e releituras do alagoano Hermeto Pascoal, do sergipano João Rodrigues e do espanhol Manuel de Falla. Em 2010 o grupo viajou até a França e tocou no Café Lê Fleurus e na Cité Universitaire Internationale de Paris, onde realizou um show para acadêmicos de várias partes do mundo. Ainda em 2010 vencem a etapa nacional do Festival de Música da Arpub e em maio de 2011 o grupo se apresentou no XI Tensamba Festival, em Madri, Espanha.

- FERRARO TRIO: Formado em 2009 pelos músicos sergipanos Saulo Ferreira (guitarra), Robson Souza (baixo) e Rafael Jr (bateria), o grupo lançou dois EPs, um DVD e um single virtual, e vem se apresentando em eventos como Verão Sergipe 2010 (Barra dos Coqueiros) e 2011 (Caueira), Projeto Verão (orla de Atalaia), II Simpósio de Educação Musical na UFS, Festival Rock Sertão (Glória/SE), Feira Música Brasil (Belo Horizonte/MG), VI Festival BNB de Música Instrumental (Juazeiro/CE e Souza/PB), Festival de Música da ARPUB, entre muitos outros. Produziram shows com projeção de imagens no Teatro Lourival Batista e auditório do CIC, venceram editais públicos de circulação e gravação, e participaram das coletâneas “Sergipe´s Finest” (Disco de Barro/SE) e “Compact.Rec” (Funarte/Minc).

- ALBERTO SILVEIRA: Compositor, arranjador e violonista, tocou em bandas de pop rock e em projetos de música instrumental brasileira em bares na noite sergipana. Foi finalista do Festival da TV Atalaia em 2009 e 2010, e foi o artista instrumental mais votado pelo público no Festival da Aperipê. Também é autor de trilhas sonoras para o cinema - “A Parede” foi vencedor do prêmio Aperipê de 2007 e “Do Outro Lado do Rio” está atualmente em circuito de exibição. Em 2011 foi selecionado para a Mostra de Música Sergipana do SESC.

- COUTTO & ORCHESTRA DE CABEÇA: O grupo sergipano faz música pensando em imagens, como uma montagem sonora do cotidiano. A Orchestra é fruto da combinação de histórias indizíveis onde as músicas costuram uma dinâmica de sensações em timbres acústicos e elétricos, ruídos da cidade, da casa, levemente suspensos sob o imaginário de Coutto e sua Orchestra de Cabeça. Um início, uma ladeira.

- CASA FORTE: Power trio formado em 2010 por integrantes de duas bandas de hardcore conhecidas de Sergipe, a Rótulo e a Nucleador, com a proposta de fazer rock instrumental misturado também a influências de samba rock, funk, soul, blues e jazz. Utilizando a riqueza desses gêneros musicais, as canções vão surgindo da vontade de explorar esses ritmos. A banda está em processo de pré-produção do primeiro EP, com 5 faixas autorais. A Casa Forte é composta por Erik Frog (guitarras), Roque Joseph (baixo) e Bruno Petoh (Bateria).




==


no
ARMAZÉM BACCO






Manoel Vieira toca clássicos ao piano.

A partir das 21h


Endereço: Rua Celso Oliva, 77 - Treze de Julho
Aracaju

Informações: 3246-4585


==


Sábado, 17



AGENDA 


do


 CHORO


Indicamos onde você pode encontrar chorinho ao vivo ou ao rádio, em Aracaju. Quem souber de alterações ou de novos lugares, grupos ou programas, por favor me informe. A intenção é fomentar público para esse gênero musical que quanto mais ouço mais aprecio.
André Teixeira




Renovação do Choro

Bar Chorinho do Inácio
sábados e domingos, 16 às 21h00

ONDE: Rua Canadá, 343 - B. Novo Paraíso (é uma transversal da Rua Rio Grande do Sul, próximo à COHIDRO).



Contato: Inácio 79 9136-1803


Couvert R$ 10



=



Regional Recanto do Chorinho




Bar Recanto do Chorinho
Chorinho aos sábados e domingos


Sábado -- 15 às 18h


Domingos -- das 17 às 20h00 (PONTUALMENTE) Das 20h30 até 00h00 tem o som da Lenny Hall - música romântica)


Além da boa música, a casa serve bebidas, refeições e petiscos para todos os gostos. Fica localizado no Parque da Cidade. Veja algumas fotos do Parque.

Convert R$ 10,00



==


APERIPÊ AM
CHORINHO NAS RÁDIOS



Apresentado por Sérgio Thadeu, o programa, criado por seu pai em setembro de 1985, é uma verdadeira celebração ao Choro, buscando sempre apresentar novidades ou resgatar clássicos do fundo do baú. Um verdadeiro banquete pra quem gosta do ótimo Choro! Vai ao ar todos os domingos das 7 às 9h00
Contato: Sérgio Tadeu
domingonoclube@gmail.com


=


APERIPÊ FM - Programa Choros e Canções,
Apresentado por Ricardo Gama, o programa choros e canções vai ao ar na Aperipê FM sempre às 18h, de segunda à sexta.
Contato: chorosecancoes@aperipe.se.gov.br



==


TEATRO

TEMPORADA de TEATRO
na
Casa Rua da Cultura

Programação


Entre quatro paredes: Cia Strutifera Naves

Resumo: Peça baseada no texto do filósofo existencialista francês Jean Paul Sartre, as relações humanas são amplamente discutidas a partir do pensamento ‘o inferno são os outros’ e dar um olhar diferenciado entre a sociedade e o próprio inferno.

Horário: Todos os Sábados, a partir das 19h

==



-Pela Janela: Grupo Caixa Cênica


Livre adaptação da obra de Tennessee Williams – Fala comigo doce como a chuva - que tem
como tema central a solidão. Direção Caixa Cênica e Co-direção de Maicyra Leão.


Horário: todos os sábados, às 20h
Local: Casa Rua da Cultura, Praça Camerino, 210, Bairro Centro
Ingresso: R$ 14,00 e R$ 7,00 a meia
Mais informações: 3042-3878

FICHA TÉCNICA:
Direção: Grupo caixa cênica e co-direção Maicyra Leão
Texto: Tennessee Williams
Cenário: Grupo caixa Cênica
Direção técnica e iluminação: Denver Paraíso
Figurino: Erick Marinho
Trilha sonora: Alex Sant’Anna, Alisson Couto e Leo Airplane
Fotografia: Zak Moreira
Captação de áudio e vídeo: Fábio Rogério e Maicon Rodrigues
Edição de DVD: Lu Silva
Elenco: Diane Velôso
Thiago Marques
Coordenação geral: Diane Velôso
Produção: Grupo Caixa e Nah Donato


==




TEATRO TTB




Espetáculo de comédia precursor no formato 'Stand up comedy', ou 'Comédia em pé'


Em Aracaju o espetáculo acontece nos dias 17 de setembro às 21h e 18 de setembro às 20h no Teatro Tobias Barreto. Mais informações pelo número 3179-1490. 


Leia mais na INFONET.


==



Feira do Aratipe, na Orla de Atalaia, sobe ao palco a cantora Anabel Vieira e o violonista Beto Carvalho tocam muita MPB.

HORÁRIO: 20 às 22h


==


Domingo, 18





No domingo, 11 a banda Forró Pesado se apresenta na praça Tobias Barreto. 




HORÁRIO: 20 às 22h




==


TEMPORADA de TEATRO
na
Casa Rua da Cultura

Programação
Uma Viagem ao Fantástico Mundo do Saber


-Uma Viagem ao Fantástico Mundo do Saber: Cia.
Uaaau!


Uma viagem ao fantástico mundo do saber conta a história de Filo um garoto que acorda num
mundo mágico repleto de aventuras onde através de personagens exótico e sábias lições
descobre que usando sua imaginação estudar pode ser muito mais divertido.


Horário: todos os domingos, às 16h
Local: Casa Rua da Cultura, Praça Camerino, 210, Bairro Centro
Ingresso: R$ 14,00 e R$ 7,00 a meia
Mais informações: 3042-3878


==




Em cartaz na 


Casa Rua da Cultura




Cárcere do Outono


Monólogo com a atriz Walmir Sandes e com direção e texto de Hunald Alencar. Um monólogo da consciencia política diante do mundo atual e dos valores estéticos. Traz uma pergunta segura que é sua própria resposta. 




Horário: todos os domingos, às 20h
Local: Casa Rua da Cultura, Praça Camerino, 210, Bairro Centro
Ingresso: R$ 14,00 e R$ 7,00 a meia
Mais informações: 3042-3878


==


Segunda, 19


RUA DA CULTURA


Entre os mercados municipais Centro de Aracaju

- A partir das 18h00




Programação completa disponível em 
Terça, 20




APRESENTAÇÃO CASTANHO SUA COR ARACAJU

Uma poesia dançada que de forma abstrata adentra o subterrâneo da Cultura Brasileira. Fragmentos de tempos remotos que possibilitam encontros com nossos mitos atuais e uma compreensão da nossa personalidade e visão de mundo.


Nesta peça coreográfica, o Grial apresenta uma bailarina de formação erudita e um dos mais antigos brincantes de Pernambuco permeando elementos da tradição popular e da contemporaneidade com vigor e sutileza necessários para tratar do olhar que temos de nós brasileiros e dos vários países contidos num mesmo Brasil.

Como pano de fundo, as grandes áreas dos Sertões habitadas por bodes e cabras. Os couros desses animais em vários tons servem de cenário e sugerem uma leitura paralela do tema principal da peça: a história da formação do povo brasileiro.
Neste local, Seu Martelo, representando um Tempo ao qual não temos mais acesso, e a bailarina, Maria Paula, constroem diálogos possíveis e uma ponte lírica entre dois universos.

A localidade origem de Seu Martelo, hoje tão distante da vida contemporânea, à primeira vista pode nos parecer alheia, mas é inegavelmente nossa e está presente como uma camada de pele mais profunda, um traço hereditário que nos define ainda que não tenhamos conhecimento dele.

O grande sertão; um terreiro de Cavalo Marinho; o marco zero onde as raças formadoras do povo brasileiro conjugam os traços que nos conferem cor, identidade, raiz; a Rainha de Sabá e o Rei Salomão, todos esses elementos convergem para contar a história do Brasil em poesia coreografada.

 Os corpos no palco servem de guia numa viagem ao universo particular de uma nação, o berço dos povos castanhos do mundo. Um ato de recolhimento que submerge o observador às várias camadas de pele que montam nossa malha individual e nossa identidade coletiva de povo.

Durante esta busca por uma corporalidade própria, experimentamos o reconhecimento de nossas sementes, mergulhamos em nossas heranças para nos compreender como raça plural, híbrida; e ressurgimos por uma estética contemporânea autônoma, única, complexa.
Uma história sem cronologia, sem começo, meio ou fim… apenas o fio das emoções liga o palco a platéia.

 
SALA SERGIPANA DE ESPETÁCULOS
19 e 20 de setembro, seg e ter. 19h
Entrada Franca

Casa Rua da Cultura, Pça Camerino, Centro
 

APOIO: SESC Sergipe

==


Quarta, 21




O dia da chegada da primavera é também o dia de lançamento do CD Canto das Mangabeiras, cantado pelas Catadoras de Mangaba de Sergipe. No disco, composições e cantos destas trabalhadoras da Mangaba do estado.

Idealizado pelo projeto Catadoras de Mangaba - Gerando Renda e Tecendo Vida em Sergipe, o CD será lançado na Sociedade Semear , dia 21 de setembro, às 19h.

A realização do CD, que traz 18 faixas entre ritmos variados, faz parte do trabalho do projeto realizado pela Associação das Catadoras de Mangaba de Indiaroba (Ascamai) e patrocinado pelo Programa Petrobras Desenvolvimento & Cidadania em parceria com a Universidade Federal de Sergipe, Conselho de Segurança Alimentar de Sergipe e o Movimento das Catadoras de Mangaba de Sergipe.

São rezas antigas, sambas populares e ainda músicas do folguedo popular da cultura sergipana. Nas canções, as letras apresentam as angústias e também as belezas e os saberes em torno da Cata da Mangaba em nosso estado.

As gravações tiveram início há mais de três meses, e movimentaram a vida de mulheres acostumadas a uma rotina relacionada “a luta da mangaba”, como nos lembra D. Creuza, de Japaratuba. Os ritmos transitam entre o samba de roda, o samba de coco, o reisado, o baião e alguns outros gêneros musicais.

Apoio Cultural: SESC, Sociedade Semear e Fundação Aperipê
Ouça e baixe as músicas em www.catadorasdemangaba.com.br



==


Todas as quartas é dia do programa

Imperdível!

Acompanhem o programa ao vivo pela Internet em:
http://aperipe.swapi.uni5.net/
Acessem também o Blog do CJ em



Clube do Jazz, Aperipê FM, 104,9, 4ª 20h

Grande abraço e até a noite,

Ernesto Seidl
==

Temporada de JAZZ

com o
Saulinho, Alejandro, Rafael e Robson
Toda quarta das 21h a 00h
no restaurante
endereço
Rua Dr Bezerra de Menezes 102, Atalaia
Reserve a sua mesa pelo fone (79) 3255-2376
Couvert individual R$ 5



==


Quinta, 22




 A Presidente da Assembleia Legislativa de Sergipe, Deputada. Angélica Guimarães, convida as autoridades, os parlamentares, os funcionários e servidores da Casa, os artistas, a imprensa e o público de arte para o coquetel de abertura da programação artística do mês no Espaço Cultural “Djenal Queiroz”, no dia 22 de setembro de 2011, quinta-feira, às 18:30 horas.


• Exposição de Pinturas de Valter Santos
• Exposição de Fotografias “O Corpo e seus Símbolos” – César Leite e 25 alunos
• Exposição de Esculturas de Eduardo Maia
• Apresentação Cênica de “A Morte do Matador” por César Leite
• Lançamento do livro “Chico de Miguel – A História de um Líder” – de Carlos Mendonça
- Lançamento do CD de Giló

Coquetel dia 22 de setembro, às 18h:30
Período das exposições: 22 de setembro a 19 de outubro de 2011




                      Realização da Diretoria de Comunicação Social
                            da  Assembleia Legislativa de Sergipe
                                      Diretora – Sandra Cruzz
                                Curadoria e Textos de Ilma Fontes


==







Deilson Pessoa é compositor e cantor de Sergipe, da mesma vertente que mostra nomes interessantes como Naurêa, Maria Scombona, Patrícia Polayne, The Baggios, e Alex Sant'Anna. Seu primeiro trabalho, o álbum Súbito e-feito lançado em 2007 com treze faixas autorais, recebeu elogio de diversos especialistas em música e alcançou repercussão nacional ao ser escolhido por leitores da revista 'O Dilúvio ' como melhor cd independente de 2007, arrebatando o 'Prêmio Uirapuru '. Sua musica, um verdadeiro sincretismo de sons, recebe arranjos bem elaborados que fazem cama para letras contundentes, ágeis, e de profundo aspecto poético. Tudo encadernado pela voz incomum de Deilson Pessoa. Numa MPB fortemente mesclada com suas vertentes regionais e urbanas, diluem-se referências das mais diversas sem no entanto espelhar-se diretamente em lugar-comum, mantendo assim um resultado de sonoridade singular.

Fonte: http://migre.me/5Kc8G

Em sua apresentação na casa do Tio, além das composições autorais, Deilson prometeu um repertório como nomes como Otto, Romulo Fróes, Banda Eddie, Itamar Assumpção, entre outros!

Deilson Pessoa - Tudo que se tem (Youtube):
http://www.youtube.com/watch?v=zjXq4-0dlFY





==






O Chileno Gonzalo de Santiago toca e canta Bossa Nova e muito mais...












 a partir das 21hs no Armazen Bacco




Endereço: Rua Celso Oliva, 77 - Treze de Julho

Aracaju


Couvert R$ 3,00



==






No line-up Budah Moderno convida os Dj`s Lina Bôto , Gustavo Motta (Guga) e Bruno Felizola Shakau. Então já sabe, chegue cedo pra pegar sua mesa pq o climinha "Pizza & Drinks" começa as 21:00 e os Djs fazem a pista pegar fogo a partir das 23:00h! E o melhor de tudo? 


ENTRADA GRÁTIS


==


'PATRIMÔNIO EM CONCERTO'
    Música nas Igrejas & Museus 

Série de concertos que substitui 'Música na Igreja' que foi iniciado em 2009 para a campanha de Patrimônio da Humanidade da praça São Francisco. 
Patrocinado pela SERGAS e Governo do EStado através da SUBPAC e Casa Civil desde outubro de 2009.
O primeiro concerto da série 'Patrimônio em Concerto' será realizado no:

Palácio-Museu Olímpio Campos dia 23/09 às 17h,  entrada franca.

Participação do Terpsícore Danças Antigas.


PROGRAMA


Pavan ‘Belle qui tiens ma vie’
Thoinot Arbeau - c1520-1595

Música Ibérica séc. XVI
Din din rin, din din rin! – Cancioneiro Del Palacio, 1505-1520
Oyuelos graciosos – Cancioneiro de Lisboa, 1502

Washerwomen’s Branle do‘Orchesography 1589’
Thoinot Arbeau – 1520-1595

Henrique VIII – 1491-1547
Pastime with good company

Música Elizabetana
Greensleeves – Ballet lute book séc.XVI, texto de Henrique VIII
Now I see thy looks were feigned -  Thomas Forde ?-1648

Ballo del fiore do ‘Il Bailarino 1581’
Fabritio Caroso – c.1527- c.1605

Música do Teatro de Shakespeare
It was a lover and his lass - Thomas  Morley  1558-1603, de As you like it 5:8

Officiale Branle do‘Orchesography 1589’
Thoinot Arbeau – 1520-1595

Chansons francesas & arias de cour - séc. XVI
Tant que vivray - Claudin de Sermisy c.1490-1562

Lully Lullary -The Coventry Carol
English Song, anon. séc. XV

John Playford 1623-1686
Parsons Farewell do ‘English Master Dancing’, 1651



==




Próximas atrações...


dias 24 e 25 de setembro



Para saber mais acesse o site do festival
http://www.hqfestival.com.br

O filmes 


e





==



A Presidente da Assembleia Legislativa de Sergipe, Deputada. Angélica Guimarães,
convida as autoridades, os parlamentares, os funcionários e servidores da Casa, os artistas,
a imprensa e o público de arte para o coquetel de abertura da programação artística do mês
no Espaço Cultural “Djenal Queiroz”, no dia 22 de setembro de 2011, quinta-feira, às 18:30
horas.


• Exposição de Pinturas de Valter Santos
• Exposição de Fotografias “O Corpo e seus Símbolos” – César Leite e 25 alunos
• Exposição de Esculturas de Eduardo Maia
• Apresentação Cênica de “A Morte do Matador” por César Leite
• Lançamento do livro “Chico de Miguel – A História de um Líder” – de Carlos Mendonça
- Lançamento do CD de Giló


Coquetel dia 22 de setembro, às 18h:30
Período das exposições: 22 de setembro a 19 de outubro de 2011


Realização da Diretoria de Comunicação Social
da Assembleia Legislativa de Sergipe
Diretora – Sandra Cruzz
Curadoria e Textos de Ilma Fontes




==


LEIA matéria no site INFONET.

No repertório estarão os maiores clássicos da carreira dos músicos cariocas, entre os quais canções como Meu Erro, Lanterna dos Afogados, Óculos, Uma Brasileira e outras

A Casa Rua da Cultura realiza no dia 24 de setembro o Cabaret Convida, na ocasião haverá show da banda O Beco, que é formada por estudantes de música da Universidade Federal de Sergipe (UFS).

No show, a banda O Beco executará músicas do grupo Paralamas do Sucesso, uma das principais bandas do rock nacional, no repertório estarão os maiores clássicos da carreira dos músicos cariocas, entre os quais canções como Meu Erro, Lanterna dos Afogados, Óculos, Uma Brasileira e outras.

No evento, haverá também apresentação do espetáculo teatral Cabret dos Insensatos. A peça é uma adaptação dos textos e poemas do escritor austríaco Bertold Brecht e do francês Jean Genet, o texto aborda a sexualidade de uma forma natural e desmistifica o conceito de 'cabaret'. A direção do espetáculo é de Lindemberg Monteiro.

3042-3878



==




==
27 de setembro







==



30 de setembro



De 30 DE SETEMBRO a 9 DE OUTUBRO em Aracaju acontecerá o 9º FICI - Festival Internacional de Cinema.
Programação do evento em breve no site



==





Está no ar o blog de apoio à volta do


FESTIVAL DE ARTE DE SÃO CRISTÓVÃO

Cartaz do último FASC, em 2005. (Arte de Eduardo Cardenas)


Leia sua postagem de Zezito Oliveira no site Overmundo:


FASC: Participação da comunidade é fundamental
“Quem produz cultura é a sociedade e não o Estado”. Uma frase/conceito que não esqueci, uma das idéias-chave contidas na carta do encontro preparatório, realizado em Aracaju (SE), do primeiro seminário sobre cultura, promovido depois pela SUDENE na cidade do Recife (PE), em meados dos anos 80, tempos da nova república e de esperanças renovadas com a retomada das liberdades democráticas, subtraídas pela ditadura civil-militar instalada no fatídico ano de 1964. [leia maispostagem comlpeta no site OVERMUNDO ou no PROFASC.
Acesse o blog e saiba mais: http://scprofasc.blogspot.com
Abaixo assinado em prol do FASC -> http://www.abaixoassinado.org/abaixoassinados/8737



==



ÓTIMA NOVIDADE vindo por aí...
da
Cia. o Mínimo

Ao respeitável público, a Cia. O Mínimo apresenta a sua mais nova proposta para realização de um espetáculo inédito denominado “Retalhos Populares”. O grupo formado pelos palhaços Iris Fiorelli e Robert Colores tem 05 anos de estrada, com formação no Estado de Sergipe e traz por meio da linguagem do Palhaço aliada a técnicas circenses e a dança uma concepção da arte do riso com um mínimo de palavras e um rico repertório de gestos, mágicas, caprichados figurino e muito humor.
A Cia. O Mínimo foi contemplada com o incentivo fiscal da Lei Rouanet do Ministério da Cultura por meio do Programa Petrobras Cultural para receber, durante dois anos, patrocínio para a manutenção do grupo, aperfeiçoamento, nova montagem e circulação do espetáculo, alem de oficinas que serão oferecidas a quatro cidades, tendo início em junho de 2011 até primeiro semestre de 2013. Essa iniciativa apoiará a construção de um novo espetáculo de mesmo nome, como resultado de pesquisa com base na cultura popular realizada em municípios Sergipanos e Residência Artística em São Paulo, com estudo no Lume - Núcleo Interdisciplinar de Pesquisas Teatrais (Universidade de Campinas, Brasil).

A Cia O Mínimo, com o Patrocínio Petrobras Cultural, disponibilizarão informações, textos e imagens sobre seu trabalho estético, prática, estudos e encaminhamentos, no intuito de garantir acesso ao maior número de pessoas e permitir ampla troca de conhecimentos e experiências com outras companhias e trupes circenses além de todos àqueles que se interessem pela arte do clown e do corpo. Todas as atividades serão gratuitas. Contatos da Cia. O mínimo, site: www.ciaominimo.com.br e telefone (97) 99335726.


==



Exposição
de Cláudia Toscano

na Galeria Álvaro Santos


Galeria de Arte Álvaro Santos
Endereço: Pç Olímpio Campos, s/n, Centro - Aracaju/SE
Fone 79 9967.2919
PERÍODO DE VISITAÇÃO:
24 de Agosto a 17 de Setembro das 8 às 18h00 e Sábado das 9 às 13h00.
==

Exposição de Nuno Ramos no SESC Sergipe.


Olá pessoal!

Dando continuidade às atividades de artes visuais da Galeria de Arte do SESC Centro, convidamos a todos para a exposição:


“SÓ LÂMINA”, do artista plástico NUNO RAMOS
Curador da exposição: Paulo Venâncio Filho
Período de visitação: 25 de agosto a 23 de setembro de 2011
Horário: 10 às 19h
Local: Galeria de Arte SESC CENTRO/ Rua Dom José Thomaz, nº 235, Bairro São José, Aracaju, Sergipe.

Gostaríamos de destacar também nossas ações educativas através de visitas mediadas e oficinas, elas serão abertas para toda a comunidade. É só entrar em contato e agendar:


ENVIADO POR
e-mail: sescgaleria@gmail.com

Fone: (79) 3216 2753

==






Ontem houve a abertura da exposição

"De olho nas Artes Visuais da UFS"





Continua até o fim desse mês no CULTART, localizado na Av Ivo do Prado.



==





Poe-mails ou poemeios?

Este livro nasceu da mesma forma que os poemas que lhe dão corpo & alma: do acaso do olhar encontrar e tentar registrar o belo com essa máquina de fotografar sentimento que é a linguagem. Utilizei como processo de escrita não ter um processo de escrita. O norte maior foi sempre o sentir dessa relação com a provocante Beleza, onde quer que Ela se manifestasse: numa palavra ou comentário, numa pintura ou foto, numa música, no silêncio ou até mesmo no vazio pós tudo. Foi escrito entre os anos de 2007 e 2010, utilizando como suporte o meio ambiente digital.
[LEIA MAIS AQUI]

[AQUI, entrevista concedida ao jornalista Rian Santos em seu blog Spleen e Charutos,sobre o livro 'poe-mails']



O livro está registrado sob licença Creative Commons 3.0. Significa que ele pode ser copiado e distribuído desde que sem finalidade comercial. Além disso pode ser modificado e redistribuído.
Saiba mais em http://creativecommons.org/licenses/by-nc-sa/3.0/br/legalcode

==


Para quem ficar em casa...




um filme

Underground Mentiras de guerra






"Num subterrâneo em Belgrado, uma família sobrevive à guerra produzindo armas para os rebeldes, mas um dia a guerra acaba e o atravessador deles prefere não avisar." (FONTE)



um livro

Enterrem meu coração na curva do rio



um disco
Ouro Negro



Nenhum comentário:

Postar um comentário