14 de agosto de 2012

Arte e Cultura em Aracaju, de 14 a 19 de agosto de 2012



poesia

Em homenagem ao II Encontro Sergipano de Literatura de Cordel 
(de 14 a 17 de agosto)

PREFEITURA SEM PREFEITO
de Patativa do Assaré


Nessa vida atroz e dura
Tudo pode acontecer
Muito breve há de se ver
Prefeito sem prefeitura;
Vejo que alguém me censura
E não fica satisfeito
Porém, eu ando sem jeito,
Sem esperança e sem fé,
Por ver no meu Assaré
Prefeitura sem prefeito.


Por não ter literatura,
Nunca pude discernir
Se poderá existir
Prefeito sem prefeitura.
Porém, mesmo sem leitura,
Sem nenhum curso ter feito,
Eu conheço do direito
E sem lição de ninguém
Descobri onde é que tem
Prefeitura sem prefeito.
Ainda que alguém me diga
Que viu um mudo falando
Um elefante dançando
No lombo de uma formiga,
Não me causará intriga,
Escutarei com respeito,
Não mentiu este sujeito.
Muito mais barbaridade
É haver numa cidade
Prefeitura sem prefeito.


Não vou teimar com quem diz
Que viu ferro dar azeite,
Um avestruz dando leite
E pedra criar raiz,
Ema apanhar de perdiz
Um rio fora do leito,
Um aleijão sem defeito
E um morto declarar guerra,
Porque vejo em minha terra
Prefeitura sem prefeito.

--




==


Inscreva seu vídeo até dia 1º de setembro 



saiba mais em


==


programação completa...



Terça, 14


II Encontro Sergipano de Literatura de Cordel





Pessoal,

Segue programação cultural na qual estarei comprometido.

PEÇO ÀS AMIGAS E AO AMIGOS QUE COMPAREÇAM E ME AJUDEM A DIVULGAR. FAVOR ENCAMINHEM AOS SEUS CONTATOS, INCLUSIVE NAS REDES SOCIAIS.

Gilmar Santana Ferreira

POETA E POESIA

Poeta é ser natural,
Poesia é natureza,
Os dois com sua beleza
Exprimem todo o real,
Mas também o irreal;
Fazem a gente pensar
Como é bom viajar
Nas asas da poesia.
O poeta tem magia
Que faz a gente sonhar.
Poesia é esperança,
Poeta é felicidade,
Ambos trazem a verdade,
Trazem fé e confiança;
Trazem também a bonança
De acreditar na vida
E de sempre achar saída
Quando algo não vai bem.
Em si a paz ambos têm,
Mesmo de alma sofrida.
(...)

Quer ver o restante?
Vá ao II Encontro Sergipano de Literatura de Cordel...



==



AUDIOVISUAL 

Cinexperiência - "As Aventuras de Seu Euclides - Lambe Sujo e Caboclinhos, Chegança e Parafusos"

Apresentação da série de curta-metragens "As Aventuras do Seu Euclides" em homenagem ao mês do folclore. 
DATA: 14/08
HORÁRIO: 15h
LOCAL: Salão Multieventos
COLÉGIO CONVIDADO: a definir
COMENTARISTA: Irineu Fontes (Secretário da Cultura de Laranjeiras/SE, produtor musical, habilitado na área de Comunicação Social e estudioso do folclore sergipano)
*Entrada franca
SINOPSE DOS CURTA-METRAGENS
Série de curta-metragens de animação feito com bonecos, que conta a história do folclore do povo sergipano para crianças. 'As Aventuras de Seu Euclides - Parafusos' foca no surgimento do Parafuso, grupo folclórico originado na cidade sergipana de Lagarto. Já, o filme 'As aventuras de Seu Euclides - Chegança', aborda o auto-popular referente ao ciclo natalino, que representa a luta entre cristãos e mouros em meados do século XVI. Em Sergipe, pode-se presenciar a manifestação folclórica no município de Divina Pastora. O terceiro curta da série, 'As Aventuras de Seu Euclides - Lambe Sujo e Caboclinhos' conta a história do tempo da escravidão na cidade sergipana de Laranjeiras, onde surgiu uma rivalidade entre os índios Caboclinhos e os negros Lambesujos.
FICHA TÉCNICA
"PARAFUSOS":
Direção e edição: Marcelo Belarmino
Produção: Isabela Mattiazzo
Arte: Jamsom Madureira, Júnior, Alessandro Santana (cabelo)
Márcio Prata: cenotécnico
Isau e Carlinhos verruga: Manipulação direta dos bonecos
Fotografia e Iluminação: Moema Pascoini, Bruno Monteiro
Câmera: Vinicius chukro
Ano: 2007 
"CHEGANÇA":
Direção: Marcelo Roque Belarmino
Fotografia : Damien Chemin
Produção: Tereza Mariana Cardoso
Elenco: Isaias Nascimento, Pauly di Castro, Isabela Raposo, Kassem, Odécio Antonio, Carlos Roberto, Rubens Barroso, Odécio Antonio, Isaias Nascimento, Carlos Cruz, Kassem, Isaias Nascimento
Ano: 2008   
"LAMBE SUJO E CABOCLINHOS":
Direção: Marcelo Roque Belarmino
Fotografia: Damien Chemin
Ano: 2012



























































==






==



Quarta, 15




15 DE AGOSTO ÀS 18h, auditório do Bloco C - Farolândia

"CIDADÃO BOILESEN" -
Um capítulo sempre subterrâneo dos anos de chumbo no Brasil, o financiamento da repressão violenta à luta armada por grandes empresários, ganha contornos mais precisos neste perfil daquele que foi considerado o mais notório deles. As ligações de Henning Albert Boilesen (1916-1971), presidente do grupo Ultra, com a ditadura militar, sua participação na criação da temível Oban – Operação Bandeirantes – e acusações de que assistiria 
voluntariamente a sessões de tortura emergem de diversos depoimentos de personagens daquela época. Direção: Chaim Litewski, 2009 Documentário, 92 minutos.





SESSÕES GRATUITAS SEGUIDAS DE DEBATE.

CERTIFICADOS PARA OS PARTICIPANTES.

As principais universidades do país são palco para o primeiro festival “Cinema pela Verdade”, realizado pelo Instituto Cultura em Movimento (ICEM) em parceria com o Ministério da Justiça, via Comissão de Anistia. O projeto leva para os quatro cantos do Brasil filmes nacionais que têm como tema o período da ditadura militar e suas consequências. Ao todo, o festival percorre todas as 27 capitais federativas e passa por 81 universidades, promovendo exibições gratuitas, seguidas de debate com a presença de convidados e diretores/realizadores de cada obra.

O “Cinema pela Verdade” foi contemplado pelo edital “Marcas da Memória”, da Comissão da Anistia, que visa a promoção de eventos e projetos em geral com foco no período da ditadura militar no Brasil. O festival é produzido pelo Instituto Cultura em Movimento (ICEM), organização da Sociedade Civil de interesse Público (OSCIP), fundada em 2002. Nascido da bem sucedida experiência do projeto “Cinema em Movimento”, rede nacional de agentes culturais, organizada em torno da distribuição gratuita de filmes brasileiros, o ICEM atua em todas as 27 unidades da federação.

APOIO: Pró-reitoria de Extensão - UNIT
CATB - Centro Acadêmico Tobias Barreto



==


Conheça o melhor do Jazz sergipano, brasileiro e mundial no programa de jazz da mais alta octanagem!, o

Imperdível!

Acompanhem o programa ao vivo pela Internet em:
http://aperipe.swapi.uni5.net/


Acessem também o Blog do CJ em
wordpress.com/

Clube do Jazz, Aperipê FM, 104,9, 4ª 20h
Grande abraço e até a noite,
Ernesto Seidl



==


QUATETO CLUBE do JAZZ em temporada no

ONE LOUNGE SUSHI

O jazz começa às 21 e vai até a meia noite

"Depois de 2 anos de "Quartas de Jazz", um ciclo se fechou e estamos iniciando, também às quartas e no mesmo horário (21h às 00h), uma temporada no One Lounge Sushi Restaurante. Primeiro mês em caráter experimental, mas já estão convidados!" Rafael Jr.




QUARTETO CLUBE do JAZZ é formado por 

Alejandro Habib (Sax)

Saulo Ferreira (Guitarra)

Robson Souza (Baixo)

e Rafael Jr. (Bateria)


Couvert R$ 7

Endereço:
Av Mário Jorge Menezes Vieira, 667
Fone (79) 3255-4228 begin_of_the_skype_highlighting            (79) 3255-4228      end_of_the_skype_highlighting


==


Quinta, 16




16 DE AGOSTO ÀS 18h, auditório do Bloco C - Farolândia

"HÉRCULES 56"
Documentário sobre a luta armada contra o regime militar, focado no seqüestro do embaixador Charles Elbrick, ocorrido na semana da Independência de 1969. Em troca do diplomata, foi exigida a divulgação de um manifesto revolucionário e a libertação de 15 presos políticos, representantes de todas as tendências que combatiam a ditadura. Banidos do território nacional e com a nacionalidade cassada, foram conduzidos ao México no avião da FAB Hércules 56.
Diretor: Silvio Da-Rin, 2006, 99 min.

SESSÕES GRATUITAS SEGUIDAS DE DEBATE.

CERTIFICADOS PARA OS PARTICIPANTES.

As principais universidades do país são palco para o primeiro festival “Cinema pela Verdade”, realizado pelo Instituto Cultura em Movimento (ICEM) em parceria com o Ministério da Justiça, via Comissão de Anistia. O projeto leva para os quatro cantos do Brasil filmes nacionais que têm como tema o período da ditadura militar e suas consequências. Ao todo, o festival percorre todas as 27 capitais federativas e passa por 81 universidades, promovendo exibições gratuitas, seguidas de debate com a presença de convidados e diretores/realizadores de cada obra.

O “Cinema pela Verdade” foi contemplado pelo edital “Marcas da Memória”, da Comissão da Anistia, que visa a promoção de eventos e projetos em geral com foco no período da ditadura militar no Brasil. O festival é produzido pelo Instituto Cultura em Movimento (ICEM), organização da Sociedade Civil de interesse Público (OSCIP), fundada em 2002. Nascido da bem sucedida experiência do projeto “Cinema em Movimento”, rede nacional de agentes culturais, organizada em torno da distribuição gratuita de filmes brasileiros, o ICEM atua em todas as 27 unidades da federação.

APOIO: Pró-reitoria de Extensão - UNIT
CATB - Centro Acadêmico Tobias Barreto


==



Todas as quintas-feiras de agosto tem blues com a 

MÁQUINA BLUES!!!



==






==





Todas as Quintas o cantor Dan Young se apresenta no Salato E Caramelle junto com Olivier no contrabaixo a partir das 20h30 ! Momento de baladas  eternas, sucessos de Elvis Presley, Johnny Rivers, Trini Lopez entre outros!! Vale a pena conferir !!
Couvert artistico - R$ 3,50

DAN YOUNG, cantor francês especializado em baladas, blues e clássicos da canção Norte Americana, no esquema de voz e violão.
Se você tem saudades das musicas de Elvis Presley em inicio de carreira,  musicas dos seus filmes, baladas de Johnny Rivers, canções de Trini Lopez, os famoso classicos da canção norte Americana venha curtir conosco músicas como CALL ME, STRANGERS IN THE NIGHT, ROUTE 66, SMILE, EVERYBODY LOVES SOMEBODY, RAINY NIGHT IN GEORGIA, YOU DON'T KNOW ME, LOVING YOU, WELCOME TO MY WORLD, ALWAYS ON MY MIND entre outras.

Conheça um pouco mais sobre o artista DAN YOUNG

SITE http://
dan-young-br.yolasite.com/


==




O Chileno Gonzalo de Santiago toca e canta Bossa Nova e muito mais a partir das 21h00 no Restaurante do Armazem Bacco.

Couvert artistico - R$ 5

Rua Celso Oliva, 77 - Praia 13 de Julho
Aracaju - Sergipe - Brasil
(79)3246-4585 begin_of_the_skype_highlighting            (79)3246-4585      end_of_the_skype_highlighting


==


Sexta, 17



Clássicos ao piano com Manuel Vieira Jr.



O pianista Manoel Vieira Jr. toca classicos em seu teclado a partir das 21hs no Restaurante 

Armazem Bacco. 



Couvert artistico - R$ 5


==




==


Sábado 18





==


TEATRO



REGGAE



==



O argentino Alejandro Habib toca classicos em seu sax a partir das 21h00 no Restaurante do Armazem Bacco. 

Couvert artistico - R$ 5


==


AGENDA
do
CHORO


Indicamos onde você pode encontrar chorinho ao vivo ou ao rádio, em Aracaju. Quem souber de alterações ou de novos lugares, grupos ou programas, por favor me informe. A intenção é fomentar público para esse gênero musical que quanto mais ouço mais aprecio.

André Teixeira


Renovação do Choro
Bar Chorinho do Inácio


sábados e domingos, 16 às 21h00

ONDE: Rua Canadá, 343 - B. Novo Paraíso (é uma transversal da Rua Rio Grande do Sul, próximo à COHIDRO).


Contato: Inácio 79 9136-1803 begin_of_the_skype_highlighting            79 9136-1803      end_of_the_skype_highlighting

Couvert R$ 4,00


=


Regional Recanto do Chorinho




Bar Recanto do Chorinho


Chorinho aos sábados e domingos



Sábado -- 15 às 18h

Domingos -- das 17 às 20h00 (PONTUALMENTE) Das 20h30 até 00h00 tem o som da Lenny Hall - música romântica)


Além da boa música, a casa serve bebidas, refeições e petiscos para todos os gostos. Fica localizado no Parque da Cidade. Veja algumas fotos do Parque.


Convert R$ 10,00


==




APERIPÊ AM




CHORINHO NAS RÁDIOS




Apresentado por Sérgio Thadeu, o programa, criado por seu pai em setembro de 1985, é uma verdadeira celebração ao Choro, buscando sempre apresentar novidades ou resgatar clássicos do fundo do baú. Um verdadeiro banquete pra quem gosta do ótimo Choro! Vai ao ar todos os domingos das 7 às 9h00




Contato: Sérgio Tadeu




domingonoclube@gmail.com


=


APERIPÊ FM - Programa Choros e Canções,




Apresentado por Ricardo Gama, o programa choros e canções vai ao ar na Aperipê FM sempre às 18h, de segunda à sexta.





Contato: chorosecancoes@aperipe.se.gov.br

==


Domingo, 19


ROCK

19/08















==


Próximas atividades culturais...


24/08



JUNTA ROCK 2012












OFICINA


Nas palavras do oficineiro, Antônio Chagas (mestrando na Escola de Música da Bahia/ UFBA):
"Nele, tentaremos esclarecer todas as dúvidas que circundam a pós-graduação. Como é a prova de seleção, o que pesa mais na seleção, quais são as áreas de concentração e o que cada uma aborda, dicas de elaboração do projeto de pesquisa, bolsa de estudos, diferenças e semelhanças entre especialização, mestrado e doutorado, modulos e disciplinas estudados na pós, enfim, todas aquelas dúvidas que assustam todo mundo!!! rs. Farei também uma atividade prática, para facilitar a compreensão dos assuntos e, se possível, que os participantes já saiam com o projeto de pesquisa bem encaminhado para uma possível especialização ou mestrado!!!
Ele servirá também para quem está na graduação, ou que pensa em fazer graduação em música ou que queira simplesmente conhecer melhor o funcionamento da pesquisa em música. Será abordado temas e dicas de escrita de textos acadêmicos, de como proceder na revisão de literatura e livros de referência".

E aí, vai perder?




Período: 25 de agosto e 01 de setembro (sábados)
Horário: 9h às 12h
Local: Auditório do Sesc Centro (R. Dom José Thomaz, B. São José)
Valor: R$ 30,00 (taxa única)
Informações: 3216 2727/ 2726




DANCE





















JAZZ





CINEMA FRANCÊS























ROCK

2º Rock Socorro



REGGAE
Ato Libertário lançando seu primeiro CD!





CINEMA

de 17 a 21 de setembro 

Mostra competitiva CurtaSE12

Confira toda a programação de cursos, oficinas e seminários no site do evento




==


EXPOSIÇÕES

Exposições em cartaz até 

CONVITE



                         
Luiz Adelmo Diretor da Galeria de Arte Álvaro Santos convida a todos
para a Exposição Coletiva do “II Salão de Fotografia de Aracaju” e

PERÍODO DE VISITAÇÃO:  08 a 26 de agosto das 8:00 horas às
18:00 horas e sábado das 9 horas às 13 horas.

LOCAL: Galeria de Arte Álvaro Santos, Praça Olímpio Campos, s/n,
Centro - Aracaju/SE – Tel: 3179-1308




30 de setembro



Inaugurada dia 2 de agosto, a exposição “Bem do Brasil, Patrimônio Histórico e Artístico” segue em cartaz até dia 30 de setembro no Memorial do Judiciário, localizado na Praça Olímpio Campos, Centro de Aracaju. 

A principal intenção da exposição é levar o espectador a compartilhar, refletir e valorizar o patrimônio brasileiro em suas múltiplas expressões materiais e simbólicas, como significado histórico e, principalmente, para a vida cotidiana contemporânea.

Produzida pela equipe do Paço Imperial, Centro Cultural do IPHAN, em colaboração com o Centro Nacional de Folclore e Cultura Popular, a exposição ficará em Aracaju até o dia 30 de setembro, aberta à visitação de segunda a sexta-feira, das 8 às 14 horas. Sábados e domingos, nos períodos vespertinos e noturnos, com agendamento através do telefone (79) 3213 0219 / 0771. 

Artistas participantes

A mostra conta com desenhos, pinturas, gravuras e esculturas de importantes artistas como: Taunay, Facchinetti, Djanira, Tarsila do Amaral, Volpi, Ivan Serpa, Amilcar de Castro, Aluisio Carvão, Franz Weissmann, Guignard, Di Cavalcanti, Lasar Segall, Mestre Valentim, Arthur Bispo do Rosário, Goeldi, Samico, J.Borges, Portinari, entre outros, e peças de várias regiões do país, como violas de cocho de Mato Grosso; tambores da Crioula e azulejos históricos do Maranhão; oratórios mineiros e baianos; imagens de reis, santas e santos de igrejas de Pernambuco e do Museu de Arte Sacra de São Cristóvão (SE); esculturas das Missões Jesuítico-Guaranis no Rio Grande do Sul; ex-votos de romeiros do Ceará e Bahia; cajados de pais de santo da Bahia; cerâmicas indígenas do Espírito Santo; carrancas do Velho Chico; cabeça de Boi Tinga, do Pará; máscaras de Cavalhadas de Goiás, bonecos do Jequitinhonha e o jongo do Rio de Janeiro.

A mostra tem, ainda, dois vídeos gravados especialmente para a exposição: o primeiro com a edição reduzida de vídeos que integram os processos de registro de bens do Patrimônio Cultural Brasileiro - Departamento do Patrimônio Imaterial / Iphan cedida pelo Centro Nacional de Folclore e Cultura Popular/Museu de Folclore Edison Carneiro/IPHAN-MinC sobre o Ofício das Paneleiras de Goiabeiras (ES), Círio de Nazaré (PA), Samba de Roda do Recôncavo Baiano (BA), Modo de fazer Violas de Cocho, Ofício das Baianas de Acarajé (BA), Jongo no Sudeste, Frevo (PE), Queijo artesanal de Minas (MG) e Cachoeira de Iauretê (AM), Capoeira. O segundo vídeo faz uma simulação mostrando como o bairro da Urca, na Zona Sul do Rio de Janeiro (entorno do Pão de Açúcar), estaria hoje sem a intervenção do IPHAN, que coibiu a construção de prédios altos no bairro, salvaguardando um cartão postal da cidade do Rio de Janeiro.


24 de agosto



A galeria do Sesc Centro abriga no próximo dia 27 de julho a vernissage da exposição Êxodo, uma ousadia da artista visual Gabi Etinger e do fotógrafo Victor Balde, que adivinharam no deslocamento geográfico uma oportunidade de ampliar horizontes, descobrir significados e exercitar o olhar usualmente condicionado pelo universo urbano das grandes cidades.

A interferência da xilogravura sobre a fotografia revela e duplica, aqui, a intenção manifesta de buscar nos menores municípios sergipanos (Riachuelo, General Maynard, Pedrinhas, Carmópolis e Amparo do São Francisco) a magnitude insuspeita pela timidez pontilhada no mapa.

Nas palavras de Silvane Azevedo, responsável pela curadoria da mostra, Êxodo pode ser resumida como um esforço de investigação estética e sociológica.

“Êxodo não somente na linguagem, mas também na proposta, emigrar o olhar para cidades do interior sergipano, sair do urbano para o rural. Debruçar-se com lupas sobre cenários, até então não ampliados. Estes, escolhidos e selecionados pelos artistas em questão, talvez por sua dimensão territorial, supostamente as menores, reveladas e representadas por outro ângulo”.

A artista visual Gabi Etinger explica que vislumbrou na hibridação entre fotografia e xilogravura um novo desafio. “A minha paixão pela xilogravura, o impacto do contraste maravilhoso entre preto e branco, não me permitem restringir o seu campo de atuação. As possibilidades abertas pelas experiências da arte contemporânea sempre me pareceram muito adequadas à exploração da xilo enquanto linguagem artística, passível, portanto, de um diálogo com todas as formas de olhar que permeiam os nossos dias”.

O fotógrafo Victor Balde, por sua vez, acolheu o convite para tomar parte no projeto como uma oportunidade de reencontrar as motivações que lhe aproximaram das lentes.

“Desde a minha primeira experiência, quando visitei um acampamento do MST em Malhador, a fotografia surgiu com duas características muito fortes: a proximidade com as pessoas e a exploração de lugares novos. Não fosse a fotografia, eu nunca teria sentado numa roda de amigos do movimento Sem Terra pra jogar conversa fora. Aprendi a ouvir mais, me encantei com histórias de vida. Êxodo me deu a chance de pegar a estrada, novamente”.

http://projetoexodo.com/


==




Todas as segundas das 21 às 22h00 na Aperipê FM 104.9 


o programa
A Cena Sergipana tem seu espaço na 104.9 - Os ritmos e estilos de Sergipe estão na programação do REDE LOCAL. 

Histórias das canções, notícias dos bastidores, entrevistas, agenda, conexões culturais e muita música. 


Apresentação e produção André Teixeira 




==



Poe-mails ou poemeio


Este livro nasceu da mesma forma que os poemas que lhe dão corpo e alma: do acaso do olhar encontrar e tentar registrar o belo com essa máquina de fotografar sentimento que é a linguagem. Utilizei como processo de escrita não ter um processo de escrita. O norte maior foi sempre o sentir dessa relação com a provocante Beleza, onde quer que Ela  se manifestasse: numa palavra ou comentário, numa pintura ou foto, numa  música, no silêncio ou até mesmo no vazio pós tudo. Foi escrito entre os anos de 2007 e 2010, utilizando como suporte o meio ambiente digital.


LEIA MAIS AQUI]



[AQUI, entrevista concedida ao jornalista Rian Santos em seu blog Spleen e Charutos,sobre o livro 'poe-mails'



O livro está registrado sob licença Creative Commons 3.0. Significa que ele pode ser copiado e distribuído desde que sem finalidade comercial. Além disso pode ser modificado e redistribuído.

Saiba mais em http://creativecommons.org/licenses/by-nc-sa/3.0/br/legalcode

Nenhum comentário:

Postar um comentário