23 de maio de 2013

Arte e Cultura em Aracaju, de 23 a 29 de maio de 2013

poesia


Hilda Hilst

Prelúdios-intensos para os desmemoriados do amor




Toma-me. A tua boca de linho sobre a minha boca 
Austera. Toma-me AGORA, ANTES 
Antes que a carnadura se desfaça em sangue, antes 
Da morte, amor, da minha morte, toma-me 
Crava a tua mão, respira meu sopro, deglute 
Em cadência minha escura agonia. 

Tempo do corpo este tempo, da fome 
Do de dentro. Corpo se conhecendo, lento, 
Um sol de diamante alimentando o ventre, 
O leite da tua carne, a minha 
Fugidia. 
E sobre nós este tempo futuro urdindo 
Urdindo a grande teia. Sobre nós a vida 
A vida se derramando. Cíclica. Escorrendo. 

Te descobres vivo sob um jogo novo. 
Te ordenas. E eu deliquescida: amor, amor, 
Antes do muro, antes da terra, devo 
Devo gritar a minha palavra, uma encantada
Ilharga 
Na cálida textura de um rochedo. Devo gritar 
Digo para mim mesma. Mas ao teu lado me estendo 
Imensa. De púrpura. De prata. De delicadeza.

II

Tateio. A fronte. O braço. O ombro. 
O fundo sortilégio da omoplata.
Matéria-menina a tua fronte e eu 
Madurez, ausência nos teus claros 
Guardados. 

Ai, ai de mim. Enquanto caminhas 
Em lúcida altivez, eu já sou o passado. 
Esta fronte que é minha, prodigiosa 
De núpcias e caminho 
É tão diversa da tua fronte descuidada. 

Tateio. E a um só tempo vivo 
E vou morrendo. Entre terra e água 
Meu existir anfíbio. Passeia 
Sobre mim, amor, e colhe o que me resta:
Noturno girassol. Rama secreta. 
(...)



[Júbilo memória noviciado da paixão (1974)]
[in Poesia: 1959-1979/ Hilda hilst. - São Paulo: Quíron; (Brasília): INL, 1980.]

--


Fonte: http://www.jornaldepoesia.jor.br/hilda.html


==


TODOS OS SÁBADOS
Das 21 às 22h00, na sintonia da  Aperipê FM 104,9 para todo Sergipe, e para o resto do mundo pelo www.ideastek.net/aperipefm/


programação completa...



.  Q  U  I  N  T  A  -  2 3  .







O AMOR EM RETALHOS
Gabi Etinger

As sensações suscitadas pelos laços de afeto não residem apenas na superfície plácida do vocabulário amoroso. A investigação iconográfica da artista visual Gabi Etinger, alicerce de uma poética voltada para a representação das relações humanas, apreende o âmago do enlace e reduz os seus contornos aos traços essenciais. Uma alegoria em preto, branco e vermelho, dedicada aos conflitos, delicias e expectativas inerentes à casualidade do encontro.

O amor em retalhos, uma colcha gigantesca, costurada pela sensibilidade da artista, cobre as paredes da galeria para envolver o visitante numa trama de sentimentos contraditórios e fragmentados. Um mosaico em stencil, vazado pelas promessas silenciosas que assaltam o coração estilizado no centro dos trabalhos.

Dividida em seis fases (Êxtase, Ansiedade, Decepção, Desejo, Intimidade e Cumplicidade), a mostra propõe um mergulho íntimo no escuro intransponível do indivíduo. Nas reações despertadas, o outro, razão primeira do esforço criativo.



Rian Santos
Curadoria

Ficha técnica:

Alisson Coutto: Ambiência
Alexandre Gomes: Trilha sonora
Dani Etinger: Videografia
Assessoria de imprensa: Calango Design e Comunicação e Sociedade Semear


==


Circuito SESC de Música de 2013 segue sua programação até dia 1º de junho!

topo-site_02
PROGRAMAÇÃO COMPLETA AQUI


A programação para esta semana é:

23/ maio (qui) | 19h – MÚSICA ANTIGA RENANTIQUE (Sesc Centro)
24/ maio (sex) | 18h – COUTTO ORCHESTRA (Shopping Riomar)

Informações:
Fábio Oliveira - Técnico em Música do Sesc
79 3216.2726


==


O espetáculo ‘Cravo do Canavial’, produção do grupo de teatro potiguar Pele de Fulô, será encenado nos dias 22 e 23 de maio, no Teatro Tobias Barreto (TTB), às 21h. A entrada é gratuita e os espectadores devem retirar seu ingresso na bilheteria pouco antes dos espetáculos.

O universo popular dos brincadores de Nazaré da Mata (PE) é o grande destaque do espetáculo. O maracatu rural é o cravo desse canavial, remetendo aos cravos que os caboclos de lança.
Um dos personagens do brinquedo usam na boca durante as apresentações. Arquétipo do guerreiro, essas “figuras” docanavial defendem um território marcado historicamente pela desigualdade social, por isso o caráter de resistência presente nesta manifestação, originária da zona da Mata de Pernambuco, onde os cortadores de cana- de- açúcar são os brincantes.

O grupo foi contemplado com o prêmio de montagem Funarte – Myriam Muniz / 2011 e o de circulação 2012.

SERVIÇO
DIA 23, ÀS 21H00 
ENTRADA GRATUITA


==


Rua do Turista APRESENTA

Banda The Minds 


Quinta feira, dia 23/05, às 17:30 horas em ponto, na Rua do Turista.

Tocando clássicos do rock The Beatles, Pink Floyd, Los Hermanos, Legião Urbana, Raul Seixas, Cazuza, Engenheiros do Hawaii, lançamento de músicas autorais e muito mais! 

Dayane Machado – Vocal/violão..
Dan Santos- Vocal/violão/guitarras..
Irlan Pacciolli – Baixo/ vocais


FREE


==



PROGRAMAÇÃO

Quinta-feira 




20h - O Natimorto (Grupo Caixa Cênica)
da obra de Lorenço Mutrelli 


Sexta-feira 
19h- Na hora H (Grupo Êxtase)
21h- O Coiote (Cia. de Teatro Stultifera Navis)

Sábado 
20h- A Lição (Cia. de Teatro Stultifera Navis)
21h- C(S)em Nelson! (Cia. de Teatro Stultifera Navis)

Domingo
17h- Faz de conta (Companhia Ponto de Teatro)


==


.  S  E  X  T  A  -  2 4  .



Instituto Banese realiza Projeto “Música & Poesia da Gente”





O Instituto Banese na condição de agente que fomenta, divulga e investe na cultura sergipana, segue promovendo ações de intercâmbio artístico com o propósito de estabelecer diálogos e experiências culturais. Assim surgiu o projeto “Música & Poesia da Gente”, voltado para apresentações de música e literatura sergipana, contando com a participação de convidados de Sergipe e além-fronteiras, uma promoção do Museu da Gente Sergipana, idealizada em parceria com o jornalista Jozailto Lima e os professores Jeová Santana e Reginaldo de Jesus.
A primeira edição do projeto acontecerá no dia 24 de maio, sexta, às 19h, com o talento musical sergipano de Antônio Félix, a presença cênica de Diane Veloso, homenageando importantes nomes da literatura sergipana e um convidado especial, o cantor paulistano Carlos Navas.
Programação
A atriz Diane Veloso abre a noite interpretando uma seleção de poemas “da gente”, como Maria Lúcia Dal Farra, Ilma Fontes, Iara Vieira, Ronaldson, entre outros.
Na sequência, o cantor e compositor Antônio Félix apresenta um aperitivo da nova música sergipana. A carreira do artista, iniciada na noite aracajuana durante a década de 90, teve o apadrinhamento de Antônio Rogério, com quem formou o grupo musical “Refazenda”. Recentemente Antônio Félix lançou o seu primeiro álbum, “Nouvelle Maison”, do qual faixas como “É Só Mais Uma Noite”, “Meu Amor Não”, “Pão e Vinho”, “Cordão de Ouro” e “Em silêncio”, já são executadas em rádios locais.
A noite termina com a participação de Carlos Navas, um intérprete conhecido pela versatilidade de transitar em vários segmentos musicais, que tem nove discos lançados e um DVD. Seu repertório reúne expressivos autores contemporâneos e projetos temáticos adultos e infantis. Foi o primeiro artista a gravar para o CD “Tantas Vozes”, box que o compositor sergipano Rubens Lisboa lançou com a participação de 45 artistas de renome nacional. Seu mais recente CD, “Junte tudo que é Seu...”, traz versões da obra do clássico compositor Custódio Mesquita.
Nesta apresentação, Navas fará uma retrospectiva dos seus 17 anos de estrada, incluindo canções representativas de sua discografia, como “Ícaro” (Fred Martins/Marcelo Diniz), “Que tal o Impossível?” (Itamar Assumpção), “Quem Sabe” (Alzira Espíndola/ Arruda), as personalíssimas releituras de “Voo de Coração” (Ritchie/Bernardo Vilhena), “Jura” (Sinhô) e “Velho Realejo” (Custódio Mesquita/ Sadi Cabral), sem deixar de lado seus dois reconhecidos álbuns infantis dedicados às obras de Vinicius de Moraes e Chico Buarque. Na ocasião, estará lançando seu primeiro DVD, registro de sua participação no Programa “Ensaio” da TV Cultura, com direção do sergipano Fernando Faro, levado ao ar em novembro de 2012.
O acesso ao evento é gratuito, mas limitado, devido à capacidade do auditório. Os ingressos devem ser retirados na recepção do Museu da Gente Sergipana (Av. Ivo do Prado, 398) a partir do dia 23 de maio, durante o horário de funcionamento do museu.

“Música & Poesia da Gente” é uma realização do Instituto BANESE, promoção do Museu da Gente Sergipana, e conta com o patrocínio do Jornal CINFORM e do Serviço Social do Comércio – SESC-SE e o apoio cultural da Fundação Aperipê, Café da Gente e Hotel Real Classic.


==

A G E N D A  do  C H O R O

Aracaju

Mudamos AGENDA do CHORO para sexta devido à temporada de choro que está no segundo mês caminhando para o terceiro mês muito bem obrigado.

Junta-se ao Bar do Inácio e ao Recanto do Chorinho, ambos com apresentações aos sábados e domingos, o Café da Gente, localizado no Museu da Gente Sergipana, com temporadas mensais de apresentações de Chorinho.


Aqui nesta AGENDA, indicamos onde você pode encontrar o chorinho ao vivo ou ao rádio, em Aracaju. Quem souber de alterações ou de novos lugares, grupos ou programas, por favor me informe. A intenção é fomentar público para esse gênero musical que quanto mais ouço mais aprecio.

André Teixeira



TEMPORADA DE CHORINHO NO CAFÉ DA GENTE COM 

grupo 

BRASILEIRÍSSIMO





Brasileiríssimo Nas Ondas Do Rádio!!! Resgate do Choro ao Vivo na Rádio numa grande parceria entre o Grupo Brasileiríssimo e a Rádio Aperipê! Programa Choros e Canções! 

==


Renovação do Choro
Bar Chorinho do Inácio


sábados e domingos, 16 às 21h00

ONDE: Rua Canadá, 343 - B. Novo Paraíso (é uma transversal da Rua Rio Grande do Sul, próximo à COHIDRO).


Contato: Inácio 79 9136-1803      

Couvert R$ 5,00


=


Regional Recanto do Chorinho




LOCAL:
Bar Recanto do Chorinho

Chorinho aos sábados e domingos

Sábado -- 15 às 18h

Domingos -- das 17 às 20h00 (PONTUALMENTE) Das 20h30 até 00h00 tem o som da Lenny Hall - música romântica)

Além da boa música, a casa serve bebidas, refeições e petiscos para todos os gostos. Fica localizado no Parque da Cidade. Veja algumas fotos do Parque.

Convert R$ 10,00


==


. C H O R O
 no 
R Á D I O .


APERIPÊ AM




Apresentado por Sérgio Thadeu, o programa, criado por seu pai em setembro de 1985, é uma verdadeira celebração ao Choro, buscando sempre apresentar novidades ou resgatar clássicos do fundo do baú. Um verdadeiro banquete pra quem gosta do ótimo Choro! Vai ao ar todos os domingos das 7 às 9h00, Transmitindo pela sintonia da Aperipê AM 630 e pela internet no site  http://www.ideastek.net/aperipeam/



Contato: Sérgio Tadeu



domingonoclube@gmail.com


=


APERIPÊ FM - Programa Choros e Canções: Apresentado por Ricardo Gama, o programa Choros e Canções vai ao ar na Aperipê FM sempre às 18h00, de segunda à sexta. 

CHORINHO AO VIVO quinzenalmente no programa!

Uma novidade no Choros e Canções é a transmissão ao vivo do quadro quinzenal RODA de CHORO, com o grupo Brasileiríssimo se apresentando ao vivo!

Transmitindo pela sintonia 104,9 e pela internet no site http://www.ideastek.net/aperipefm/





Contato: chorosecancoes@aperipe.se.gov.br


==


Clássicos ao piano com Manuel Vieira Jr.


O pianista Manoel Vieira Jr. toca clássicos em seu teclado a partir das 21h00.

Local: Restaurante Armazem Bacco. 



Couvert artistico - R$ 5



==



Sextas e Sábados





Saindo do habitual som de barzinho, Mário João e Paulinho Araújo se misturam entre instrumentos e vozes trazendo músicas que viajam desde o rock ao baião, do samba a milonga e da bossa-nova ao folk. Sextas e Sábados na Villa Madre Pizzaria que fica entre o Di Vino e a Pandoro na rua Professor Antônio Fagundes de Melo, 156, Treze de Julho.


==



==



.  S  Á  B  A  D  O  -  2 5  .



==




Dia 25 de Maio, às 17h00, no Teatro Atheneu, A Casa do Zé apresentará o show A Casa do Zé e Os Bichinhos da Arca, show inspirado no musical infantil A Arca de Noé de Vinicius de Moraes. O show é imperdível.

Valor da Entrada: R$ 20,00 (Inteira); R$ 10,00 (Meia).
Os ingressos estão à venda na bilheteria do Teatro Atheneu e na Unidade I da Nossa Escola.

O Show contará com as participações de Alberto Silveira, Gabriel Noah e com a bonita apresentação do grupo Hannah Contadores de História.


==





MUNDO LIVRE/SA
NAURêA
DANGÔ
DJ Bruno Montalvão

"A FESTA"

Ingressos:

-Tio Maneco
- Freaks ( Shopping Jardins)


==






==




Alejandro Habib toca clássicos do jazz a partir das 21h00

Local: Restaurante do Armazem Bacco. 

Couvert artistico - R$ 5


==


SÁBADO e DOMINGO


Patrícia Polyne 
em Aracaju





==

.  D o m i n g o ,  2 6  .



==




.  S e g u n d a ,  2 7  .







.  T  E  R  Ç  A  -  2 8  .


Circuito SESC de Música de 2013 segue sua programação até dia 1º de junho!

topo-site_02
PROGRAMAÇÃO COMPLETA AQUI


A programação para esta semana é:

14/ maio (ter) | 19h  – COUTTO ORCHESTRA (Sesc Centro)
15/ maio (qua) | 17h –  ALBERTO SILVEIRA (Rua do Turista)
16/ maio (qui) | 16h – GRUPO BRASILEIRÍSSIMO DE CHORO (Sesc Siqueira)

Informações:
Fábio Oliveira - Técnico em Música do Sesc
79 3216.2726


==


.  Q  U  A  R  T  A  -  2 9  .


A Companhia Mário Nascimento (MG), através do incentivo do Ministério da Cultura e o patrocínio da Petrobras, em comemoração aos 15 anos de existência, inicia a sua circulação pelo Nordeste com o novo espetáculo, “Nômade”. O primeiro estado a receber a nova obra artística é Sergipe.


Com apresentações em Aracaju/SE, nos dias 29 e 30 de maio (quarta e quinta), às 20h, no Teatro Atheneu.

Sob a Direção Artística de Mário Nascimento e a Trilha Sonora Original de Fábio Cardia, o trabalho a ser apresentado é o desfecho de uma trilogia que versa sobre a territorialidade, suas diversas funções e sentidos. A obra une-se a ESCAPADA, de 1998 – o primeiro trabalho do grupo – e a TERRITÓRIO NU, de 2011, para discutir questões como o lugar do indivíduo no mundo, o ultrapassar de fronteiras de todos os tipos e as possibilidades de libertação e transcendência do pensamento e da criatividade humana.

O nômade é aquele que reside em nós. É um nômade que nos torna inquietos e nos faz buscar algo maior em nossas vidas. Cada nômade desenha seu próprio mapa e segue um percurso que pode nos levar, se nos permitir-mos, a romper nossos paradigmas, ultrapassar fronteiras, vencer os medos e a descobrir novos mundos dentro e fora de nós.

Quem está com o mapa?”

FICHA TÉCNICA
Direção e Coreografia: Mário Nascimento
Assistente de Direção e de Coreografia: Rosa Antuña
Direção Musical e Trilha Sonora Original: Fábio Cardia
Criação de Luz: Pedro Pederneiras
Elenco: Alicia-Lynn Castro, Eliatrice Gischewski, Fábio Costa, Gustavo
Silvestre, Léo Garcia, Marcella Gozzi, Mário Nascimento e Rosa Antuña
Voz e Xequerê: Rosa Antuña (letra: Arleime Fogaça)
Djembé: Léo Garcia
Alfaia: Eliatrice Gischewski
Didjeridoo: Mário Nascimento
Professores e Ensaiadores: Mário Nascimento e Rosa Antuña
Preparação Teatral e Vocal: Rosa Antuña
Produção de Figurino: Cia MN
Operação de Luz: Marcel Bento
Fotos do Programa: Marco Aurélio Prates
Fotos e Vídeos: Duda Las Casas, Mirela Persichini e Léo Drumond
Designer Gráfico: Fred Mendes
Coordenação de Imagem: Rosa Antuña
Marketing, Mídias Sociais e Textos: Rosa Antuña
Produção: Cia MN
Produtora: Luciana Lanza
Produção Local: Caju Oliveira Produções
Assistente de Produção Local: André Santana
Patrocínio: Petrobras

SERVIÇO:
Nômade – Cia Mário Nascimento (MG)
Data: 29 e 30 de maio de 2013
Local: Teatro Atheneu
Horário: 20h
Ingressos: R$ 20,00(Inteira) e R$10,00 (Meia)
* 50% de desconto na compra de até 2 ingressos para clientes do Cartão Petrobras
**Vendas Antecipadas: R$ 5,00 + 1Kg de Alimento a ser destinado ao Mesa Brasil SESC
Informações: 79 91232025

www.ciamarionascimento.com | ciamn.blogspot.com | Facebook.com/CiaMarioNascimento


:::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::


.  PRÓXIMAS ATIVIDADES...

EXPOSIÇÕES ABERTAS À VISITAÇÃO



No Café da Gente Exposição Fotográfica "EMBLEMÁTICO SERTÃO", do fotógrafo Nailson Moura



Nordestino, sertanejo, beradeiro, nascido às margens do Velho Chico, no alto sertão sergipano, na pequena e bela cidade de GARARU, Nailson Moura tem conciliado há pouco mais de quatro anos o seu trabalho diário na Petrobras com a fotografia.

Com um trabalho baseado em duas obras consagradas da literatura nacional, os livros Vidas Secas, de Graciliano Ramos, e Os Sertões, de Euclides da Cunha, com recursos próprios, tem viajado pelos sertões do nordeste procurando registrar o homem, a terra e como ele sobrevive nesse ambiente.


==



Café Cultural na 2ª fase da expo MARÉS



A partir do dia 8 de Maio será iniciada a segunda fase da expo, com os temas ‘Ressaca’ e ‘Maresia’. Novas imagens, novas cores, novos sons: Zé Peixe. Esperamos novamente tentar tirar você do lugar, o centímetro que seja. E que a singularidade da alma do nosso grande homem sergipano se torne eterna.
Agradecemos primeiramente à família de Peixe, que nos abriu as portas da casa para pesquisa,ao Sesc, em especial a Vanderleia Cardoso pela paciência, e aos patrocinadores que tiveram total confiança no projeto e não titubearam em suar as mãos na concretização do projeto.
E é andando que estamos, e assim que será.
Obrigado a todos
Trotamundos Coletivo



==



5º FAM e SesCanção 2013 estão com as inscrições abertas!



"Tire suas músicas da gaveta e mostre ao mundo! Estão abertas, a partir de amanhã, terça-feira, 23 de abril, as inscrições para o V Festival de Música da Aperipê, promovido pela Fundação Aperipê em parceria com a Associação das Rádios Públicas do Brasil (ARPUB).

Mais informações no site http://www.aperipe.com.br/


E O 





O Sesc abre nessa segunda-feira, 29/04, as inscrições para a 14ª edição da Mostra Sergipana de Música – Sescanção. O regulamento e o formulário estão disponíveis no www.sesc-se.com.br/sescancao .

O Sescanção - grande encontro da música sergipana - acontecerá dia 31 de outubro, no Teatro Atheneu - palco de apresentação das 14 músicas selecionadas previamente para a Mostra.

Inscrição:
Sesc Centro – Rua Dom José Thomaz, 235
Casa do Artista – Calçadão da Rua Laranjeiras

Mais informações: 3216-2726 / contato@sesc-se.com.br



==


LIVRO DE POESIAS


Poe-mails ou poemeio


Este livro nasceu da mesma forma que os poemas que lhe dão corpo e alma: do acaso do olhar encontrar e tentar registrar o belo com essa máquina de fotografar sentimento que é a linguagem. Utilizei como processo de escrita não ter um processo de escrita. O norte maior foi sempre o sentir dessa relação com a provocante Beleza, onde quer que Ela  se manifestasse: numa palavra ou comentário, numa pintura ou foto, numa   música, no silêncio ou até mesmo no vazio pós tudo. Foi escrito entre os anos de 2007 e 2010, utilizando como suporte o meio ambiente digital.


LEIA MAIS AQUI]



[AQUI, entrevista concedida ao jornalista Rian Santos em seu blog Spleen e Charutos,sobre o livro 'poe-mails' 



O livro está registrado sob licença Creative Commons 3.0. Significa que ele pode ser copiado e distribuído desde que sem finalidade comercial. Além disso pode ser modificado e redistribuído.

Saiba mais em http://creativecommons.org/licenses/by-nc-sa/3.0/br/legalcode

:::::::::::::::::::::::::::::::

Nenhum comentário:

Postar um comentário